desde 1996 a criar parcerias de futuro.

Candidaturas abertas Portugal 2020
18 Mai, 2018

Portugal 2020 em 2019

Se pretende efetuar um projeto de investimento, acompanhe as candidaturas abertas no Portugal 2020 que poderão apoiar financeiramente a sua iniciativa.

É importante que saiba que o enquadramento da sua iniciativa dependerá de um conjunto de fatores a ter em conta. Nomeadamente dos objetivos do projeto, da atividade da empresa, do montante e tipologia de investimentos pretendidos, e da localização geográfica.

Saiba também que os avisos do Portugal 2020 não estão de forma permanente abertos, normalmente abrem duas vezes por ano por um período de dois a três meses, sendo importante começar já a preparar a sua candidatura ao Portugal 2020 de forma atempada.  Assim importa que quando ocorra a abertura das candidaturas, tenha reunido as condições de elegibilidade do projeto e do promotor.

As condições de elegibilidade e a taxa de incentivos varia em função do sistema de incentivos do Portugal 2020, podendo o incentivo ser de natureza reembolsável ou não reembolsável. Em função do tipo de projeto, investimentos e localização geográfica, poderão existir majorações à taxa de incentivos base atribuída.

Precisa de mais informações? Contacte-nos agora. Efetuamos o enquadramento da sua iniciativa e prestamos esclarecimentos gratuitamente.

Saiba quais os avisos abertos neste momento no Portugal 2020

candidaturas abertas no Portugal 2020.

No presente artigo iremos abordar alguns dos sistemas de incentivos existentes, sendo que conforme referido anteriormente deverá começar a preparar a sua candidatura atempadamente. Assim torna-se não só importante conhecer as candidaturas abertas no Portugal 2020, como também conhecer os sistemas existentes no âmbito do programa Portugal 2020.

SI2E

Entre as candidaturas abertas ao Portugal 2020, encontra-se o programa SI2E. O SI2E foi criado para apoiar projetos de empreendedorismo e a modernização ou expansão de empresas existentes. A taxa de incentivo a fundo perdido base é de 30% ou 40% (territórios de baixa densidade), podendo ser acrescida de uma majoração de 10% ou 20%.  São também concedidos apoios ao nível da contratação de recursos humanos ou da criação do próprio emprego.  O investimento máximo permitido é de 100 mil euros (GAL) ou 235 mil euros (CIM).

SI Empreendedorismo

O sistema de incentivos ao empreendedorismo apoia projetos inovadores que visem a criação de novas empresas, até um montante máximo de investimento de 1.5 milhões de euros. Assim como projetos inovadores promovidos por empresas criadas à menos de 3 anos.

50% do incentivo atribuído através de incentivo não reembolsável e 50% do incentivo atribuído através de um empréstimo bancário sem juros.

Encontram-se abertas as Candidaturas.

SI Inovação Produtiva

O sistema de incentivos à inovação produtiva visa apoiar a criação de novas empresa e projetos de expansão e inovação de empresas de pequena, média e grande dimensão. Até um montante máximo de investimento de 25 milhões.

Os incentivos são reembolsáveis, não vencendo juros, até uma taxa máxima de 75%. Em fase de avaliação do projeto poderá ser efetuada uma dispensa no reembolso até ao máximo de 60% relativamente ao incentivo concedido.

São considerados projetos de inovação com as seguintes tipologias:

  • Inovação de Produto
  • Inovação de Processo
  • Inovação de Marketing
  • Inovação Organizacional

50% do incentivo atribuído através de incentivo não reembolsável e 50% do incentivo atribuído através de um empréstimo bancário sem juros.

Encontram-se abertas as Candidaturas.

Linha de Apoio à Valorização Turística do Interior

A Linha de apoio à valorização turística do interior apoia projetos localizados nas zonas do interior do país, que visem a:

  • Valorização da oferta de Cycling & Walking;
  • Valorização do património e dos recursos endógenos;
  • Desenvolvimento de novos serviços turísticos;
  • Desenvolvimento de atividades económicas do turismo;
  • Valorização e qualificação das aldeias.

Para as empresas os apoios de são de natureza reembolsável para um investimento máximo de 150 mil euros, para uma taxa máxima de 90%.  Em fase de avaliação do projeto poderá ser efetuada uma dispensa no reembolso até ao máximo de 50% relativamente ao apoio concedido.

Para as entidades sem fins lucrativos, o apoio é concedido de forma não reembolsável, e o investimento máximo elegível é de 400 mil euros.

Linha de Apoio à Qualificação da Oferta

A Linha de Apoio à Qualificação da Oferta apoia projetos de investimento no setor do turismo, financiando até 75% do montante de investimento. 40% do financiamento é concedido pelo Turismo de Portugal, podendo não existir juros, e 60% é concedido por uma entidade bancária. No financiamento concedido pela entidade bancária a taxa de juro resulta da análise de risco. O prazo da operação é de 15 anos com um período de carência de 4 anos.

No caso de projetos localizados no interior do país, 20% do apoio que é financiado pelo Turismo de Portugal poderá tornar-se não reembolsável.

PDR 2020 

No âmbito do programa PDR 2020, conheça linhas para pequenos investimentos:

Pequenos investimentos nas explorações agrícolas 
  • Investimentos até 40 mil euros;
  • Taxa de incentivos até 50% a Fundo Perdido;
Pequenos investimentos na transformação e comercialização de produtos agrícolas
  • Investimentos até 200 mil euros;
  • Taxa de Incentivos até 45%.
Diversificação de atividades na exploração agrícola 
  • Investimentos até 200 mil euros;
  • Taxas de incentivos até 50%.

Outras Linhas Portugal 2020

 Contacte-nos agora para mais informações. Elaboramos o seu projeto e candidatura. A Mercal faz parte da rede internacional IMCN. É considerada a melhor empresa de consultoria portuguesa por entidades internacionais prestigiadas. A Mercal é parceira de entidades importantes como a Turismo de Portugal, Turismo Fundos, IAPMEI, AICEP, entre outras.

Adicione um comentário

Your email address will not be published. Required fields are marked *