desde 1996 a criar parcerias de futuro.

criar empresa
20 Nov, 2018

Como criar uma empresa e que apoios existem?

Pretende criar empresa e não sabe como?

Estudou a viabilidade da sua ideia de negócio?

Teve uma ideia de negócio que julga ser diferenciadora e que tem tudo para ter êxito. Agora chegou o momento de implementar a sua ideia e constituir a sua empresa. Há no entanto questões, entre outras, para as quais deverá procurar respostas:

  • Qual o investimento necessário para implementar o meu negócio?
  • Trata-se de um projeto viável do ponto vista económico e financeiro?
  • Estudei devidamente o mercado?
  • Quais os custos associados à criação da empresa?
  • Quantos anos irei levar até ter retorno do investimento inicial?
  • Qual a taxa máxima de rentabilidade prevista?
  • Como obter financiamento para o projeto?

A Mercal poderá prestar todo o apoio necessário ao seu projeto, nomeadamente na realização do estudo de viabilidade e do plano de negócios, assim como apoiar ao nível da criação da empresa e noutros serviços adicionais de consultoria financeira e consultoria de marketing.

Desde 1996 que ajudamos a criação de empresas, ajudando os empreendedores a criar empresa e a implementar projetos que sejam sustentáveis e viáveis, assegurando desta uma probabilidade de terem o sucesso e a rentabilidade desejada.

Contacte-nos agora para mais informações.Prestamos esclarecimentos gratuitamente e enviamos a nossa proposta sem qualquer compromisso, num pazo de 24 hora úteis.

Custos de Investimentos

Os custos de investimento destinam-se a capacitar a empresa para puder execercer a sua atividade e a ser competitiva de acordo com o setor e o mercado onde atua.

Entre outros, indicam-se alguns exemplos de custos de investimento:

  • Custos com a realização de projetos de arquitetura e obras;
  • Custos de aquisição de máquinas e/ou equipamentos;
  • Custos de aquisição de equipamentos informáticos;
  • Custos relacionados com o desenvolvimento de software;
  • Custos de conceção e registo de marcas ou coleções;
  • Custos associados as despesas de marketing, marketing digital, e publicidade;
  • Serviços de arquitetura e engenharia relacionados com a implementação do projeto;
  • Custos com a aquisição de material circulante (viaturas)
  • Custos com a participação em feiras, exposições e missões.

Para além dos custos de investimento, terá que também considerar os custos relacionados com a exploração da atividade (custos fixos e custos variáveis):

  • Técnico oficial de contas
  • Seguros
  • Juros bancários
  • Arrendamento
  • Eletricidade
  • Água
  • Telefone
  • Internet
  • Ordenados
  • Viaturas

Custo do registo da empresa

Assim que tome a decisão de criar a empresa, passou o momento de compreender como irá abrir a empresa.

Através do balcão “empresa na hora” conseguirá abrir empresa de forma rápida e com um custo reduzido de 360 euros, podendo constituir uma sociedade unipessoal, sociedade por quotas, ou uma sociedade anónima.

Sempre que associado à constituição da sociedade ocorre também a entrada de bens móveis ou imóveis ou participações sociais dependentes de registo, acrescem os seguintes custos:

  • 50€ por imóvel, quota ou participação social;
  • 30€ por cada bem móvel;

Para além destes custos para criar empresa, haverá que também ser considerado os custos com o IMT e outros impostos, consoante a natureza jurídica da atividade que a empresa irá desenvolver.

Relativamente a impostos, há uma isenção no primeiro ano do pagamento por conta e especial por conta. Haverá ainda que pagar o IRC (caso a empresa tenha lucro) e o IVA.

Portugal 2020: Apoios para criar empresa

O programa Portugal 2020 poderá financiar o seu projeto de empreendedorismo, podendo o mesmo ser enquadramento na linha de financiamento SI2E ou SI Empreendedorismo.

O programa SI2E financia de forma não reembolsável (“a fundo perdido”) até uma taxa máxima de 60% os custos de investimento considerados elegíveis. Este programa comparticipa também os salários referente aos empreendedores e à eventual contratação de funcionários.

O SI2E poderá ser o programa mais indicado caso o investimento não supere os 235 mil euros. Para investimentos superiores o seu projeto poderá ser enquadrado no SI Empreendedorismo.

Contacte-nos agora. A Mercal poderá prestar todo o apoio ao nível do processo de criação da empresa. Elaboramos o plano de negócios, estudo de viabilidade e candidatura para obtenção de financiamento. Prestamos também assistência técnica à implementação do projeto.

A Mercal faz parte da rede internacional IMCN e é considerada por diversas entidades internacionais como a melhor empresa de consultoria portuguesa.

Adicione um comentário

Your email address will not be published. Required fields are marked *

✅ Translate | 16 Languages